Páginas

terça-feira, 31 de maio de 2011

desejos

Aonde está a força de negar um desejo se enquanto ele não é saciado continua existindo?
O tempo não se encarrega de matar desejos, apenas de substituir os personagens.
Esse é o maior problema dos desejos, eles não aceitam não como resposta. Você só coloca um ponto final nele se for até o fim. E o fim pode ser um simples enjôo ou, na pior das hipóteses, a morte.
 

domingo, 29 de maio de 2011

essa cicatriz nao sara

“A impressão que tenho é que nunca vai passar… Que a cicatriz não fecha… Que só de esbarrar, sangra."

eu por mim mesma

Sou extremamente critica. Quando sei que algo está errado eu uso toda a minha raiva para poder dar a minha opnião, doa a quem doer. Alguns podem até me achar grossa, mas é que eu não minto para ser agradável como muitas pessoas fazem. Nas minhas brincadeiras eu vou dizendo as verdades, mas não acredite em todas elas, quando eu estiver falando sério eu te aviso. Sou tão chata que quando eu não gosto de algo, você pode perceber na minha cara, notar no meu tom de voz e como eu fico sem jeito por não conseguir disfarçar. Muitos que não me conhecem se assustam comigo, ora quieta ora falante demais. Assim como alguns, que de primeira me julgam pela aparência, mas se eu fosse feia será que iriam me achar metida também?! Já me acostumei com muitas coisas e aprendi a ignorar a maioria, mas não experimente me testar, você pode se surpreender. Sou tão estranha às vezes que me assusto com as minhas próprias atitudes, é que na verdade eu não sou normal, tenho crises de euforia, de tristezas, de carências, de vontades e de alegria. Sou falsa como muitos já me fizeram ser, agente aprende com a convivência, mas não se assuste, interprete como uma forma de autodefesa. Não sou tão ruim quanto parece, ainda não matei ninguém mas já menti, trai, enganei, desprezei e eu nunca descanso até conseguir o que quero. E aí, vai encarar?

sexta-feira, 27 de maio de 2011

decidi confiar

A vida é cheia de perguntas que eu não posso responder há tantas coisas que acontecem que nem sempre entendo o porque sentimentos de temores sobre mim aflições que mais parecem não ter fim surpresas de um caminho que ainda não trilhei no meio dessa tempestade pude então ouvir a Tua voz que veio como uma brisa sussurrando em meu coração acalmando minhas dores, emoções dissipando tempestades, furacões, escolhi descansar em Ti de uma coisa eu sei, decidi confiar, o invisível por certo se revelará então verei o que Deus preparou para mim nem olhos viram, ouvidos ouviram, nem homem nenhum conseguiu decifrar o que Deus faz na vida de um justo que em oração clama ao pai

quarta-feira, 25 de maio de 2011

tenho medo


 Mas tenho medo do que é novo e tenho medo de viver o que não entendo

domingo, 22 de maio de 2011

sexta-feira, 20 de maio de 2011

me dê coragem

Faça com que a solidão não me destrua. Faça com que minha solidão me sirva de companhia. Faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar. Faça com que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim me sentir como se estivesse plena de tudo. Receba em teus braços meu pecado de pensar.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

pra Te adorar

Pra te adorar oh Reis dos reis
Foi que eu nasci oh Rei Jesus
Meu prazer é te louvarMeu prazer é estar
Nos átrios do Senhor
Me prazer é viver na casa de Deus onde flui o amor

__________________________________________


Eu tomo posse da graça de Deus

Tomo posse da cura Senhor

Tomo posse da bênção de hoje
Eu espero na Tua promessa
Eu confio em Tua obra Senhor
Acredito na Tua palavra
no poder do Teu nome Senhor

terça-feira, 17 de maio de 2011

menos amor

Talvez meu amor tenha aprendido a ser menos amor só para nunca deixar de ser amor

domingo, 15 de maio de 2011

o coração está em paz

como expressar que sente o meu coração agora? uma felicidade imensa, pois hoje, Jesus me pegou no colo. . . hoje Jesus falou comigo. . . hoje eu renovei todas as minhas promessas. . . hoje Ele me libertou da dor, da aflição e do caminho errado. . . Ele falou o que eu precisava ouvir. . . e mais uma vez provou que pode me ouvir. e que pode falar comigo. . . que alegria, meu coração pula de felicidade. . . e em tudo eu consegui tomar a minha decisão: Nada e ninguém no mundo vai me fazer desistir Quero, tudo quero, sem medo entregar meus projetos Deixar-me guiar nos caminhos que Deus desejou para mim e ali estar Vou perseguir tudo aquilo que Deus já escolheu pra mim Vou persistir, e mesmo nas marcas daquela dor do que ficou, vou me lembrar E realizar o sonho mais lindo que Deus sonhou Em meu lugar estar na espera de um novo que vai chegar Vou persistir, continuar a esperar e crer


obrigada Senhor, por me fazer forte, por me permitir sentir o Teu Santo Espírito e por me permitir repousar em Teu Espírito. . . e sei que cada lágrima foi sinal da presença desse Espirito em meu coração. . . agora, tenho mais certeza do que nunca, que a alegria que o mundo me oferece é passageira, e que a Sua alegria Senhor, é sempre, em todos os momentos, alegria do conforto nos momentos difíceis, alegria de receber de presente anjos chamados amigos, alegria de sentir a Tua presença, preenchendo cada espaço vazio que havia em meu coração.
Obrigada meu Senhor, agora eu posso clamar que o Senhor fez  maravilhas em mim. . e minha alma exulta de alegria.
Vou te seguir Senhor, e seguir todos os planos que tens pra mim, sem medo do que terei que abrir mão para isso.


sábado, 14 de maio de 2011

vontades



Ando com uma vontade tão grande de receber todos os afetos, todos os carinhos, todas as atenções. Quero colo, quero beijo, quero cafuné, abraço apertado, mensagem na madrugada, quero flores, quero doces, quero música, vento, cheiros, quero parar de me doar e começar a receber. Sabe, eu acho que não sei fechar ciclos, colocar pontos finais. Comigo são sempre vírgulas, aspas, reticências. Eu vou gostando, eu vou cuidando, eu vou desculpando, eu vou superando, eu vou compreendendo, eu vou relevando, eu vou… E continuo indo, assim, desse jeito, sem virar páginas, sem colocar pontos. E vou dando muito de mim, e aceitando o pouquinho que os outros tem para me dar.

sexta-feira, 13 de maio de 2011

como voce me dói

Talvez não exista um motivo real e lógico, ou talvez nem exista sequer um motivo, mas, meu Deus! Como você me dói de vez em quando. E como me dói ultimamente. E já não sei mais agir diante da sua indiferença, a não ser com uma indiferença ainda maior. E orgulho. Não é que não doa.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

a minha dor


e eu sei que essa dor é só minha, só cabe a mim sofrer por ela, só me pertence, mas eu queria tanto um colo pra chorar a minha dor, até ela aliviar. . .alguém assim, que não perguntasse. que não questionasse. . . que me entendesse no silêncio do olhar. . . que saudade de um colo amigo para chorar. . . 

chora comigo pra dor passar mais rapido?

terça-feira, 10 de maio de 2011

tudo ou nada

não sou mulher de metades; se amo amo por inteiro, se sinto raiva, sinto pra valer. . .se sofro, sofro até na alma. . . se sou amiga, sou amiga de verdade.se odeio, ah aí odeio mesmo. . . não gosto de quases. porque os quases nunca são. . . não sou sua quase amiga ou seu meio amor. . . ou sou tudo ou sou nada. . . sou uma doce pessoa, mas não queira me ver azeda. . . se for pra me molhar, eu mergulho de uma vez. . . sou assim, ou tudo ou nada.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Aprendi também que por mais que você queira muito alguém, ninguém vale tanto à pena a ponto de você deixar de se querer.

força e vitoria

Nada poderá me abalar, nada poderá me derrotar, pois minha força e vitória, tens um nome e é Jesus . . .

sábado, 7 de maio de 2011

liberdade

“ Prisão, liberdade. São essas as palavras que me ocorrem. No entanto não são as verdadeiras, únicas e insubstituíveis, sinto-o. Liberdade é pouco. O que desejo ainda não tem nome. – Sou pois um brinquedo a quem dão corda e que terminada esta não encontrará vida própria, mais profunda. Procurar tranqüilamente admitir que talvez só a encontre se for buscá-la nas fontes pequenas. Ou senão morrerei de sede. Talvez não tenha sido feita para as águas puras e largas, mas para as pequenas e de fácil acesso. E talvez meu desejo de outra fonte, essa ânsia que me dá ao rosto um ar de quem caça para se alimentar, talvez essa ânsia seja uma idéia – e nada mais. Porém – os raros instantes que às vezes consigo de suficiência, de vida cega, de alegria tão intensa e tão serena como o canto de um órgão – esses instantes não provam que sou capaz de satisfazer minha busca e que esta é sede de todo  um ser e não apenas uma idéia"

sexta-feira, 6 de maio de 2011

amar dói

e na confusão de seus pensamentos, tentando achar a solução, ela se perde ainda mais. . . 


Amar dói tanto que você volta a lembrar que existe algo maior, você se lembra de Deus, você se lembra de vida após a morte. Amar dói tanto que você fica humilde e olha de verdade para o mundo, mas ao mesmo tempo fica gigante e sente a dor da humanidade inteira. Amar dói tanto que não dói mais, como toda dor que de tão insuportável produz anestesia própria

quinta-feira, 5 de maio de 2011

10 coisas que eu odeio em você


1 Odeio o modo como fala comigo e como corta o cabelo.
2 Odeio como dirige o meu carro.
3 E odeio seu desmazelo.
4 Odeio suas enormes botas de combate e como consegue ler minha mente.
5 Eu odeio tanto isso em você, que até me sinto doente.
6 Eu odeio como está sempre certo.
7 E odeio quando você mente.
8 Eu odeio quando me faz rir muito, e mas quando me faz chorar.
9 Eu odeio quando não está por perto, e o fato de não me ligar.
10 Mas eu odeio principalmente, não conseguir te odiar.
Nem um pouco, nem mesmo por um segundo, nem mesmo só por te odiar.

terça-feira, 3 de maio de 2011

intensões

Ela tinha um nojo da dualidade de intenções dos seres humanos que ora amam, ora usam, e preferia a clareza da sacanagem e a certeza do vazio.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Pedido

Papai do Céu, vou fazer um pedido, um pedido egoísta, por que você não me dá um lugarzinho pra morar aí com Você? Assim eu não sofro e não me magoou mais nesse mundo chato, e não faço sofrer e nem magoou ninguém, que tal, esse acordozinho bacana hen??

"Porque eu vivo tentando, mas não dá, eu sou toda errada. . . "

domingo, 1 de maio de 2011

te magoar

Ela: Me abraça? Eu te divirto, mas eu te canso.
Ele: Não
Ela: Você me amou?
Ele: Sempre vou te amar. Eu odeio te magoar.
Ela: Então porque magoa?
Ele: Porque sou egoísta.